a abstenção no Egito é uma arma


no primeiro dos dois dias de votação, só 15% foram às urnas. o regime do ditador Sisi quer pelo menos 80% dos votos e tenta tudo: 
a) declarou feriado na terça-feira, 
b) deixou as urnas abertas até à noite 
c) e ainda estendeu as eleições por toda a quarta-feira. 

conclusão: três dias de voto (quando inicialmente eram dois) e ainda está muito longe da almejada glória. mas preparem-se que o General Al-Sissi tem que escapar a esta humilhação, nem que seja falseando a votação. para seguir com atenção. o mundo está muito doente. 

Sem comentários:

Enviar um comentário