Fuma? Cinco metros, sff

O governo pretende impor um mínimo de cinco metros de distância de portas e janelas aos fumadores junto de escolas e estabelecimentos de saúde, que incluem hospitais, clínicas, centros e casas de saúde, consultórios médicos, postos de socorros, laboratórios e farmácias, para além de estender a parques infantis a proibição de fumar. O projeto de proposta de lei será enviado para a Assembleia da República, onde será discutido e votado. Esta será a segunda alteração à Lei do Tabaco, em vigor desde 2008.

Sem comentários:

Enviar um comentário